EMERSON DOURADO

Depois do apito final da partida estreia na Copa Federação diante do Dom Bosco, onde o União foi derrotado de virada por 2 a 1, o treinador do Colorado Toninho Pesso tratou rapidamente de trazer para ele a responsabilidade da derrota. O técnico viu seu time dominar o adversário primeiro tempo, mesmo com pelo menos cinco atletas de seu elenco fora da partida, por conta de não estarem regularizados no Bid. Mas também presenciou a queda vertiginosa de produção da equipe na segunda etapa, desta forma não tendo condições de igualar a intensidade do Azulão Cuiabano.

“O primeiro tempo dominamos a partida, com duas a três chances e veio o segundo tempo e nós não voltamos e eles tomaram as ações do jogo e do meu para o fim demos uma equilibrada, mas acabou que alguns jogadores caíram muito de produção e sentindo a alta intensidade do adversário e eles comandaram as ações e mereceram vencer a partida pelo segundo tempo”. Disse Pesso.
Sobre o segundo gol sofrido, o treinador também chamou a para si, quando o goleiro Thiago tentou sair jogando com os pés sem dar o famoso chutão.

“Eu treino isso com o minha equipe para sair jogando o tempo todo com o goleiro e quando se sentir pressionado dá o bico na bola, mas ele acabou não tendo esta atitude, mas a responsabilidade é minha como comandante da equipe”, finalizou

Fonte: Redação