Com torcida é mais gostoso. No reencontro da torcida com o time, o Vila Nova-GO venceu o ABC, por 1 a 0, nesta tarde, no estádio Serra Dourada, pela 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O time goiano se manteve dentro do G4, zona de acesso, com 38 pontos, recuperando a terceira posição, perdida na véspera para o Ceará, com 37, de volta à quarta posição.

O time goiano também se reabilitou da derrota para o Juventude, por 1 a 0, em Caxias do Sul (RS). Além disso, segurou o ABC na lanterna da competição com apenas 16 pontos. Na rodada anterior tinha perdido em casa para o Internacional, por 3 a 0.

ALEGRIA DE VOLTA
O destaque ficou para a alegria da torcida, que voltou a ver seu time após quatro jogos de punição por causa de uma briga entre torcedores no clássico com o Goiás. Os gritos eram ouvidos antes do jogo e o incentivo durou todo o primeiro tempo.

Dentro de campo, o jogo estava bastante amarrado, com o ABC na defesa e o Vila sem conseguir ultrapassar a barreira defensiva do visitante.

Tanto que a única chance real do time goiano saiu somente aos 26 minutos. Após bate-rebate na grande área, mesmo desequilibrado, Mateus Anderson chutou de virada e a bola tocou na rede pelo lado de fora. Aos 30 minutos, houve a parada técnica para hidratação devido o forte calor de 33 graus e a baixa umidade do ar. 

FUTEBOL DE PACIÊNCIA
Apesar do entusiasmo da torcida, o Vila mantinha seu futebol de paciência e de toque de bola pedido pelo técnico Hemerson Maria. E quase abriu o placar aos 38 minutos, quando Mateus Anderson, do lado direito, fez o levantamento para a área e o zagueiro Wesley Matos testou de cabeça, com a bola explodindo no travessão.

O gol saiu nos acréscimos, aos 46 minutos, com Alan Mineiro cobrando pênalti e deslocando o goleiro Edson. No lance de falta, Alípio foi empurrado por um defensor. Oitavo gol do camisa 10 goiano, que não marcava há sete rodadas.

TRANQUILO E OUTRO GOL
O Vila voltou mais tranquilo para o segundo tempo e ampliou aos nove minutos em jogada pessoal de Alípio. Ele pegou a bola do lado esquerdo, tabelou com Moisés já dentro da área e ficou com a bola para chutar firme para as redes.

Aos 13 minutos, Alan Mineiro acertou a trave de Edson que ainda defendeu o rebote em chute de Mateus Anderson.

A partir daí, a torcida foi à loucura nas arquibancadas, com direito até à tradicional ‘ola’. O ABC ainda mostrou valentia, mas pouca qualidade técnica para mudar a situação.

O ABC ainda mostrou valentia, mas pouca qualidade técnica para mudar a situação. E deu sorte de não sofrer uma goleada. Aos 35 minutos, Léo Rodrigues chutou forte e acertou a trave esquerda e a bola ainda tocou em Edson.

O goleiro também teve sorte no minuto seguinte noutro chute na trave, desta vez de Marcelinho. Aos 48 minutos, Léo Rodrigues, de cabeça, acertou o travessão. No final, à meia luz, a torcida ligou o celular e iluminou o Serra Dourada.

PARADA PELA SELEÇÃO
A competição sofre uma paralisação por conta dos dois jogos da seleção brasileira nas eliminatórias sul-americanas. Desta forma, o Vila Nova só volta a jogar no dia quatro de setembro contra o Guarani, de novo, em Campinas. O ABC vai jogar só no dia 9 de setembro, em casa, diante do Santa Cruz.

 

Fonte: Redação