por Agência Futebol Interior
 


O Luverdense será o adversário do Paysandu na final da Copa Verde de 2017. Na noite desta quinta-feira, jogando para um público total de pouco mais de mil pessoas, o LEC confirmou a classificação ao ganhar do Rondoniense, por 3 a 1, no Estádio Passo das Emas, na partida de volta da semifinal.

Na semana passada, os dois times haviam se enfrentado na Arena da Floresta, no Acre, e o Luverdense venceu por 2 a 1 e podia até mesmo perder por 1 a 0. Pela frente, o LEC terá o atual campeão Paysandu, que eliminou o Santos na última terça-feira.

Mesmo que fique com o vice-campeonato, o Luverdense do técnico Júnior Rocha já entrou para a história. Isso porque o mais longe que o time havia chegado na Copa Verde foi em 2015, quando ficou na quarta colocação.

EQUILÍBRIO
Mesmo com a vantagem do empate, o Luverdense começou a partida pressionando o Rondoniense e quase abriu o placar logo aos três minutos, quando Douglas Baggio chutou forte e exigiu boa defesa de Biro. O Periquito não conseguia ficar muito tempo com a bola nos pés e chamava o LEC para cima.

Aos poucos, o Rondoniense foi equilibrando a partida e criou duas chances seguidas. Aos 17, Careca girou em cima de Dalton e bateu para defesa de Diogo Silva. Dois minutos depois, Pither cobrou falta por cima da barreira e a bola passou raspando a trave.

Nos minutos finais do primeiro tempo, o Luverdense criou duas chances. Marcos Aurélio arriscou de fora da área e mandou pela linha de fundo. Depois, Neguette cabeceou e Biro defendeu com segurança. 

ENFIM, OS GOLS
Logo no primeiro minuto da etapa final, Paulinho invadiu a área pelo lado esquerdo e bateu cruzado. Biro se esticou todo e espalmou para escanteio. O Luverdense voltou a assustar na sequência, mas a finalização de Marcos Aurélio saiu pela linha de fundo.

Bem melhor que o Rondoniense, o Luverdense finalmente abriu o placar aos 17 minutos depois de criar boas oportunidades no começo do segundo tempo. De fora da área, Rafael Silva soltou a bomba e viu a bola entrar no ângulo de Biro, que dessa vez nada pôde fazer. O LEC poderia ter ampliado se a arbitragem não tivesse anulado o gol de Macena.

Aos 26 minutos, porém, não teve jeito. Erik recebeu na entrada da área, passou por um adversário e finalizou no cantinho do goleiro. Nos minutos finais saíram mais dois gols. Rafael Silva fez o terceiro depois de dividir com o goleiro e Fernandinho marcou o de honra do Rondoniense ao aproveitar cruzamento.

 

Fonte: Redação