JORGE MACIEL



Depois de um treino leve, apenas para relaxamento muscular, o Luverdense já está escalado e terá apenas um desfalque para enfrentar o Rondoniense-RO, neste sábado, pela semifinal da Copa Verde. O jogo será no Acre, pois em Rondônia o estádio não tem capacidade de público e a CBF mudou o local doa partida.

Sem o lateral-direito Aderlan, no Departamento Médico do clube e portanto sem ter embarcado, o LEC faz a partida de ida – depois volta a jogar no Passo das Emas, em data ainda a ser definida (por causa do estadual) pela CBF.

O técnico Júnior Rocha disse que o time manterá a formação tática de sempre e espera um bom jogo. O Rondoniense, apesar de ser um time modesto, é uma equipe decidida, que joga na raça, portanto, “imprevisível”, basta ver que eliminou o Cuiabá da competição.

A ideia é trazer os três pontos, mas um empate com gols não seria um mau resultado. “Vamos jogar para frente, mas nos precaveremos, pois tomar gol é sempre ruim na modalidade da copa”, disse.

Rocha deve escalar o time com Diogo Silva, Gabriel Passos, Neguette, Dalton e Paulinho; Diogo Sodré, Ricardo, Marcos Aurélio, Erik e Rafael Silva; Macena. 

Rondoniense e Luverdense se pegam às 17h, na Arena da Floresta, no Acre. A partida da volta será no dia 20 de abril, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde.

Para o jogo de ida, Luverdense adotará cautela, para decidir vaga em casa com maior tranquilidade

Fonte: Redação