AFI


Era um confronto fácil, mas o Luverdense fez questão de jogar bem na noite deste sábado. Pelo jogo de volta da Copa Verde, no estádio Kléber Andrade, em Cariacica, o LEC empatou com o Rio Branco-ES, por 2 a 2 e garantiu a classificação para a semifinal da Copa Verde. No confronto de ida, o clube do Mato Grosso tinha goleado por 5 a 0.

Um fato curioso é que o placar do primeiro jogo afastou o torcedor do Capa Preta da partida. Apenas 70 pagantes estiveram no estádio, o que gerou uma renda irrisória de R$ 940,00.

 

Com a classificação, o LEC terá o vencedor de Rondoniense e Luziânia na semifinal. No jogo de ida, disputado em Rondônia, os times empataram por 3 a 3.

O JOGO
A boa vantagem obtida no primeiro jogo fez com que o Luverdense viesse a campo com uma postura de tranquilidade, aguardando as ações do Rio Branco para depois adotar uma estratégia de jogo. Desta forma, o Capa Preta quase abriu o placar aos seis minutos. Canário lançou nas costas da defesa do LEC e Anderson por muito pouco não domina de frente para o goleiro Diogo Silva.

Na primeira vez que foi ao ataque, o time de Júnior Rocha chegou ao seu gol. Marcos Aurélio cobrou falta pela direita que acabopu sendo um passe para Ricardo. O volante soltou uma bomba que o goleiro Harrison não conseguiu defender.

Com o resultado cômodo, o LEC controlou o jogo até o final da primeira etapa. Bastante desorganizado, o Rio Branco não encontrou forças para levar perigo à meta adversária.

Com a classificação garantida, erdense tirou o pé e cedeu o empate

LEC AMPLIA
O início do segundo tempo deu mostras de que o Rio Branco poderia ao menos equilibrar a partida. Logo aos dois minutos, Eleutério dividiu com Ricardo dentro da área e a bola bateu no braço do volante do Luverdense. O árbitro entendeu que o toque foi involuntário.

E teve tempo de mais um gol do LEC. Aos 13 minutos, Paulinho lançou Diogo Sodré, que apareceu como homem surpresa dentro da área. A jogada treinada pelo técnico Júnior Rocha deu certo e a rede foi balançada em uma bonita finalização.

O Capa Preta só conseguiu diminuir aos 27 minutos. Ivan carregou pela direita e conseguiu invadir a área. O lateral fez um cruzamento perfeito para Márcio Carioca concluir dentro da meta.

A pressão dos capixabas continuou e o gol de empate apareceu aos 40 minutos. Anderson recebeu de frente para o gol e não desperdiçou.

 

Fonte: Redação