A temporada da Seleção Brasileira Feminina começa oficialmente em fevereiro. Como foi divulgado no calendário, a primeira convocação, por não ser data Fifa, contemplará somente jogadoras que atuam nas regiões Sul e Sudeste do Brasil. Será uma semana de treinamentos, de 6 a 11 de fevereiro, na Granja Comary, em Teresópolis (RJ).

A lista conta com jogadoras experientes como a lateral Maurine e a atacante Darlene, que estava na lista das 21 atletas dos Jogos Olímpicos. Há também meninas que ainda estão nas categorias de base, como a atacante Geyse, que disputou a Copa do Mundo Sub-20 em 2016.

As jogadoras que forem bem avaliadas poderão ser convocadas posteriormente, inclusive para as etapas de treinamento somente para atletas do Brasil, mesmo que não sejam da região determinada. O calendário será: de 21 a 26 de agosto, atletas da Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará; de 2 a 7 de outubro, do Piauí, Maranhão, Tocantins, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul; de 6 a 11 de novembro, do Acre, Amazonas, Roraima, Amapá, Pará e Rondônia.

A atacante Darlene, do São José do Rio Preto, é uma das convocadas pela técnica, para competição

Goleiras

Camila – América Mineiro

Dani – Santos

Géssica – Kindermann

Maike – Flamengo

Zagueiras

Gislaine – CBF

Calandrine – Santos

Pardal – Corinthians/Audax

Tuani – Kindermann

Laterais

Moniquinha – Rio Preto

Maurine – Santos

Katiele – Kindermann

Daiane – Corinthians/Audax

Meio-campo

Brena – Santos

Gabi Lira – Rio Preto

Antônia – Valinhos

Tuanny – Vila Nova

Maria – Santos

Peçanha – Corinthians/Audax

Moretti – CBF

Maglia – Corinthians/Audax

Atacantes

Patrícia – Santos

Nathane – Flamengo

Darlene – Rio Preto

Geyse – Corinthians/Audax

Byanca Brasil – Corinthians/Audax

Allana – Corinthians/Audax

 

 

Fonte: Redação